Google Translate

segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

O Exemplo de Noemi

Exemplo de Noemi

Noemi

Fazer o Bem a todo tempo


Mas não vos esqueçais de fazer o bem e de repartir com outros, porque com tais sacrifícios Deus se agrada (Hebreus 13-16).

E eu resolvi informar-te disso e dizer-te: Compra-a diante dos habitantes, e diante dos anciãos do meu povo; se a hás de redimir, redime-a, e se não houver de redimir, declara-mo, para que o saiba, pois outro não há senão tu que a redima, e eu depois de ti. Então disse ele: Eu a redimirei. Disse porém Boaz: No dia em que comprares a terra da mão de Noemi, também a comprarás da mão de Rute, a moabita, mulher do falecido, para suscitar o nome do falecido sobre a sua herança (Rute 4:4-5).



Quando observamos a História de Rute, não prestamos tanta atenção em sua sogra Noemi. Mas Noemi é a prova de que fazer o bem e agir de acordo com seus princípios, é o caminho mais curto para agradar a Deus e para encontrar a paz, pois fazer o bem é sempre bom para quem gera o amor. Na verdade a satisfação de fazer o bem a alguém que amamos aquece a alma e ninguém pode tirar de nós a satisfação que alcançamos com isto.

Noemi, que preferia ser chamada de Mara, por considerar suas tristezas pela amargura, não se permitiu abater-se e entrar em uma depressão ou mesmo desenvolver uma Síndrome do Pânico. Pelo contrário, não se entregou a dor, mesmo que estivesse marcada definitivamente pela dor. Afinal, comumente dizemos que os pais são levados pelos filhos à sua última morada e não o contrário. E Noemi perdeu seus dois filhos e não sobrou nem mesmo o consolo de ter seu marido para chorarem as dores e lembranças dos filhos e dos netos que não vieram. Sobrou-lhe as noras e uma delas voltou ao lar e a cultura de seus pais.

Quando Orfa volta, fica sobre a responsabilidade de Noemi, Rute, a quem ela ama como a uma filha. Rute deixa tudo para trás e segue adiante com Noemi, mas apesar de sobrar a responsabilidade moral que a sogra v6e na situação que se apresenta, ela não pode gerar nada para mantê-las e a mais nova assume a manutenção do lar de ambas.

Noemi, mesmo sofrendo, resolve lutar pela felicidade e bem-estar da jovem. Dispôs-se a fazer algo, a ressuscitar leis antigas – lembre-se que antes ela disse as noras que não tinha mais filhos para dar em casamento às jovens em lugar dos maridos que morreram, já que lhe faltava outros filhos e marido, além de idade.

Na verdade, o amor que Noemi tinha por Rute prova que o amor de mãe não morre com os filhos, ela tinha em si ainda a capacidade de amar como uma mãe.
Assim, ela arrumou um jeito de cuidar do futuro da jovem que estava aos seus cuidados. Assim, mais uma vez ela lembra de mais uma das antigas leis e ensina a jovem uma forma de trazer sobre si o direito de ser ajudada pelo Resgatador.

Muitas outras sogras se aproveitariam de seu momento de dor para forçar a jovem cuidar dela no resto da vida, na verdade em sua nobreza ela usou todo o seu conhecimento para manter a vida da jovem e garantir-lhe um futuro, quando enfim ela também partisse.

Na verdade Noemi ajudou sua nora e sem saber garantiu para si a continuação do nome de ambas na História de Israel. Na verdade Noemi fez e recebeu, tanto que o próprio Boaz, que veio ser esposo de Rute e juntos garantiram o direito da continuidade do nome de Abimeleque, deu testemunho do bem que a jovem fazia a sua sogra: (...) Bem se me contou quanto fizeste à tua sogra, depois da morte de teu marido; e deixaste a teu pai e a tua mãe, e a terra onde nasceste, e vieste para um povo que antes não conheceste. O Senhor retribua o teu feito; e te seja concedido pleno galardão da parte do Senhor Deus de Israel, sob cujas asas te vieste abrigar (Rute 2:11-12).

Na verdade quando fazemos algo de bom para alguém também somos alcançados pelo benefício que geramos: E não nos cansemos de fazer o bem, porque a seu tempo ceifaremos, se não houvermos desfalecido ( Gálatas 6-9).

Aquela mulher, nos últimos dias de sua história tomou nos braços seu neto e teve de novo a alegria de ver a vida crescer em sua casa.

Sua atitude de amor foi recompoensada com gratidão e reconhecimento, já que ela cuidou de Obede, o filho de Boaz e Rute como um filho:Então as mulheres disseram a Noemi: Bendito seja o SENHOR, que não deixou hoje de te dar remidor, e seja o seu nome afamado em Israel.Ele te será por restaurador da alma, e nutrirá a tua velhice, pois tua nora, que te ama, o deu à luz, e ela te é melhor do que sete filhos. E Noemi tomou o filho, e o pôs no seu colo, e foi sua ama (Rute 4:14-16).
Postar um comentário