Google Translate

terça-feira, 24 de abril de 2012

Mulher e suas fraquezas - Thiago Mendes

A mulher de fé é obrigada a lhe dar todos os dias com suas fraquezas. Em alguns momentos já sentiu seu coração derrapar. Quando isto aconteceu ela acabou desejando o indesejável e teve nojo de si mesma. Mas foi derrapando que teve a oportunidade de aprender sobre uma das coisas mais sagradas da vida: o arrependimento! E ajoelhada em seu canto fez suas preces, expôs suas fraquezas e confessou ser incapaz de vencê-las sozinha. Declarou em lágrimas o quanto se sentia carente e sozinha e que estes sentimentos contribuíram para que seu coração tivesse se desviado do perfeito caminho. Ela não estava ali para se julgar culpada ou inocente. Queria apenas abrir seu coração e dizer que nem sempre faz a coisa certa, mas que gostaria de acertar sempre. E é naquele canto que a mulher de fé chora suas lágrimas e se livra de suas cargas. Todos nós temos as nossas fraquezas, mas não podemos nos deixar ser dominados por elas.
Postar um comentário