Google Translate

segunda-feira, 4 de julho de 2011

Casamento - Para quem já tentou de tudo - Mais 3 Conselhos

Limpeza, Moderação e Privacidade 
 3 Pilares do bom Relacionameto Conjugal

Consideremos pois mais 3 Conselhos à Luz da Bíblia para manter a Saúde de seu Casamento

4. Sela melhor na sua organização Pessoal e do Ambiente de convívio

Existem coisas que você deve evitar no seu casamento 
  • Sujeira
  • Desleixo
  • Desordem
  • Preguiça, 


Estes são sem dúvidas os meios mais usados pelo nosso inimigo para destruir a relçaõ, minar os sentimentos e dividir um casal.

“Da mesma forma, também, que as mulheres se ataviem com traje modesto” (1 Timóteo 2:9). 
Nas culturas do Oriente Médio, tanto homens como mulheres tem o hábito saudabilíssimo de se arrumarem uns para o outro 
Usam seus melhores trajes para agradarem-se. Desde a família mais simples à mais abastada, tratam as relçaoes maritais de forma a agradarem seus parceiros e isto mantêm aceso os laços firmado entre si.



“purificai-vos” (Isaías 52:11). 
Cuidar do corpo, tanto homem como mulher é uma questão de higiene pessoal, que faz bem para a Saúde da própria pessoa como indivídu, mas é também uma forma de se agradarem mutuamente.

Já na Cultura Asiática, apresentação das  refeições costumam ser bonitas aos aos olhos devem ser saudáveis.
Em nossos lares elas, além de instigarem os olhos, serem saudáveis, devem também serem servidas na hora. 

“ela trabalha de boa vontade com suas mãos..Levanta-se, mesmo à noite, para dar de comer aos da casa…Está atenta ao andamento da casa, e não come o pão da preguiça” (Provérbios 31:13, 15, 27).

Além da alimentação saudável, é necessário também que a  casa esteja sempre  limpa e arrumada, porque faz com que as pessoas que nela moram se sintam confortáveis.
Alé do que a limpeza por si só traz paz, tranqüilidade e satisfação a ambos.

O esposo deve manter seu papel, mesmo no caso de a esposa ter um poder aquisitivo melhor que ele. 

 Nem esposa e nem marido devem ser preguiçosos. O esposo  que não provê o alimento e conforto a sua família, trás sobre ele e seus familiares  a maldição.  “Mas, se alguém não tem cuidado dos seus, e principalmente dos da sua família, negou a fé, e é pior do que o infiel (1 Tim 5:8). “Não sejais preguiçosos” (Hebreus 6:12).

Uma observação válida

  “Que tudo seja feito com decência e ordem” (1 Coríntios 14:40).

Preguiça disfarçada em ordem

Acredito que a preguiça mais prejudicial, é esta.
Tem esposas que mantêm a casa limpa de fato. Qualquer hora que você chega nesta casa, pode acreditar, parece que é um cenário de revista ou propaganda de loja de móveis ou margarina. Limpa, cheirosa e só.
Se você observar de fato, nunca tem panela no fogão e quando muito o único aparelho mais usado da cozinha é o micro-ondas.
Na semana não cozinha porque o marido trabalha e nos finais de semana gasta com comida pronta ou vai à casa da mãe, da sogra, da vizinha e sabe mais  Deus na casa de quem, para comer. 
São esposas que não tem prazer em cozinhar para seus esposos.

Diz a Sabedoria Popular que "Cozinha fria, coração frio". 
Particularmente já vi muitos casamentos em que as mulheres agiam assim naufragar.

5. Seja  moderado no falar


“A resposta branda desvia o furor, mas a palavra dura suscita a ira” (Provérbios 15:1). “Goza a vida com a mulher que amas” (Eclesiastes 9:9).


Você precisa obrigar-se a ser suave no falar e dirigir-se ao seu cônjuge com gentileza.
Aprenda a falar  no momento certo, quando o outro está nervoso. Geralmente o  silêncio é a melhor arma durante uma ataque do outro.Refrear-se é o melhor método para esfriar a ira do outro.
As decisões tomadas no auge da ira, do cansaço  ou desanimo prejudiciais, devendo assim devem ser evitadas a todo custo.
Relaxe e  deixe esfriar a cabeça e  a raiva passar antes de decidir qualquer coisa.
E quando chegar a hora de falar, fale sempre com tranquilidade e amorosamente. Module não só sua voz,mas também as palavras.  As Palavras duras, de raiva esmagam o desejo do seu cônjuge lhe agradar.


Brincadeira de gosto duvidoso?

Evite aquelas brincadeiras de gosto duvidosos. Elas magoarão o outro.
Lembre-se da advertência de Paulo, que serve magnificamente  ao seu relacionamento:  “Quando cheguei a ser homem, desisti das coisas próprias de menino” (1 Coríntios 13:11).

6. Privacidade é um direito e como tal deve ser respeitado

Respeite os direitos pessoais e a privacidade um do outro
Cada um de vocês tem o direito garantido por Deus de ter privacidade, a ter  determinadas intimidades pessoais sem explicação. 
Evite meser na carteira ou bolsa um do outro, não abra ou leia o e-mail pessoal, enão fique verificando celular sem autorização prévia e, memso neste casos, evite se possível for.  
O direito à privacidade e sossego quando preocupados deve ser respeitado. 

Nada que você faça vai fazer o outro mudar



“O amor é paciente…não arde em ciúmes…não se conduz inconvenientemente, não procura os seus interesses…não se alegra com a injustiça, mas regozija-se com a verdade ” (1 Coríntios 13:4-7). 

Canso de ouvir casais dizer em relação ao outro, principalmente quando namoram que farão de tudo para o outro mudar. Já ouvi observações absurdas como  "Se eu não mudar ele, ninguém mais muda", "Ele vai ter que mudar de qualquer jeito" e outras frases do tipo que por certo ou você já ouviu - ou pior - já falou.
Só que as pessoas só mudam quando querem e se achar que é necessário.
As  mudanças de personalidade não podem ser forçadas, você não vai conseguir de forma alguma, não há nada que você possa fazer,  se não há vontade e iniciativa do outro. Todo o esforço empregado por voc~e nesta tarefa vai acabr por desgastar a relçaõ de vocês e a sua própria paciência. Você pode até cair numa situação de auto-depreciação, acabara por se culpar por algo que não ´e responsabilidade sua.
Só Deus pode interferir e fazer  essas alterações, e isto se abrirmos o coração e nossa vontade para que Ele haja a nosso favor. Deus não entra n casa de ninguém sem ser convidado.

Diz a Bíblia que: "Cada um dará conta de si mesmo a Deus" (Romanos 14:12).
Você só precisa se aperfeiçoar em confiança. Afinal a confiança no outro é essencialpara que vocês tenham uma relação feliz..

Muitas pessoas gastam mais tempo tentando descobrir, desmascarar o seu cônjuge  do que em  tentar
agradar o outro.

Você pode não acreditar, mas agradar ao outro é extremamente benéfico para a relação e faz ambos  mais felizes, alémde que evitam atritos denecessários..


“Amai-vos cordialmente uns aos outros com amor fraternal, preferindo-vos em honra uns aos outros (Romanos 12:10).

Isto é, prefira ao outro em amor e honra. Ame seu cônjuge como você ama a sis mesmo. Isto não é apenas uma regra de Fé, é uma regra para o convívio humano. Quem ama si mesmo, não se fere.


Pense nisto...
E até a próxima....
Postar um comentário