Google Translate

sexta-feira, 8 de julho de 2011

A Importância das Palavras na relações humanas

As Palavras são importante nas relações humanas


No casamento,  tanto entre conjuges, como nas relações dos pais com  os filhos, as palavras nem sempre são necessárias.
Em outras vezes, apesar de necessárias, elas, quando passam do limite, podem até estragar tudo.Principalmente nos momentos de atrito, que a mulher tem o hábito de trocar a Histeria pela História.
Pior que nem um nem outro é bom para nenhuma relação.
Você pode perguntar como se dá isto. E é fácil de perceber isto.
Toda vez que a situação aperta, que não sabe o que falar, que acabam os argumentos, a mulher começa a desfiar todas as brigas anteriores e se alonga a questão.
Muitas pessoas não percebem os riscos de falar em excesso, pois quando começamos a falar demais, acabamos por não pensar antes e, infelizmente o outro está ouvindo cada uma das palavras. Neste caso estas palavras alimentam a ira, isto porque a própria Bíblia diz que  é melhor morar no deserto do que viver com a mulher rixosa.

Uma  Mulher , duas atitudes, um só resultado - a PAZ

Abgail e Davi
Houve uma mulher que viveu uma situação diferente desta. E em sua situação ela teve que salvar um tolo da ira de um rei. Seu nome Abgail, casada com um homem sem noção de periigo. Um dia este homem resolveu entrar na briga de dois homens poderosos e, ficando ao lado de um rei poderoso, porém emdecadência espiritual, ele desprezou um guerreiro, que já  tinha conseguido diversas vitórias para o Exército de seu país e, enquanto vivia no deserto, ajudou seus servos, que campeava seu rebanho.
Esquecido da gratidão que devia à este, o tolo respondeu com ignorância à um pedido do  herói de guerra. As consequências desta tolice foi que a morte  veio como promessa e todos os homens daquela casa morreria. Aquela mulher, ao ouvir a sentença de morte da boca de um dos seus empregados, saiu de sua zona de conforto e foi ao encontro daquele homem poderoso.e com sábias palavras cinseguiu salvar sua casa. Com este homem ele usou de sabedoria, sabendo dosar cada uma de suas palavras. Ao voltar para a sua casa encontrou o tolo extremamente bêbado e, esperou o momento de falar com ele.
Suas palavras fizeram o homem perceber o tamanho  de sua loucura. E, por certo ele  teve consciência do que fez contra sua casa  e seus servos. (I Samuel 25) A  inteligência desta mulher fez com que  ela soubesse  o tom certo de falar com os dois homens. Com o poderoso ela, em sua humildade, chamou-o de volta a razão. Com Nabal, seu esposo tolo, ela usou de sutileza e submissão, agindo de forma que ele entendeu toda a situação.

As pessoas devem aprender a viver de forma a ter uma vida melhor. Ser inteligente em suas atitudes não é se anular, é saber como manter a paz. 

Cada pessoa tem algo para fazer. Tem sua importância para a continuidade da vida. E na vida é necessário sabermos para que nós nascemos.




Para que você nasceu?


UMa criança, com um
sorriso, sem palavras
gera vida.
Pode parecer uma pergunta sem sentido neste mundo cheio de definições.No entanto não é uma pergunta sem nexo, é uma pergunta extremamente oportuna, pois vivemos próximoas à pessoas que não encontram nenhum sentido para suas vidas.
E Deus, quando criou Adão e Eva, determinou que ambos fossem felizes juntos.Ele tinha um plano de ação determinado.
Deu-lhes um belo Jardim para morar e era tão belo que se chamava Paraíso.Deixou a Natureza com todo o seu explendor inicial para que eles fizessem uso dela.
Mesmo depois da queda do homem, Deus lhes permitiu viver juntos, ter filhos e dar continuidade da vida.
Tudo isto para que? Para que houvesse vida, perpetuasse a espécie, mas uma espécie feliz, abençõada.
Só que diferente dos animais, Deus nos deu uma  capacidade maravilhosa. A Capacidade de falar.E desta capacidade é que surge a pergunta inicial:


Para que você nasceu?

Você nasceu para mudar vidas.
E como gerador de mudanças você tem muito a fazer. E como será mudança, como ela deve ser, o que ela é? 

Esta mudança pode ser positiva e gerar vida.

Sem Palavras ou preconceito,
sorrisos transformam
vidas e geram luz.

E pode gerar morte, afinal quantas pessoa que nunca empunharam arma alguma, mas tem matado com palavras que saem de seus lábios e ferem de morte os corações.
A própria Bíblia nos fala sobre a boca que gera violência, esta é a boca dos perversos (provérbios 10-11) Ma so mesmo versículo, em sua primeira parte diz que a boca do justio é manancial de vida. No versículo 32 vai além dizendo que a boca do justo sabe o que agrada.
Os japoneses tem um adágio popular entre eles que diz que "Em geral as pessoas brigam porque não sabem argumentar". E este pensamento não te parece conhecido? Sempre me fez lembrar o verso 1 de Provérbios 15 "A resposta branda desvia o furor"
Houve um profeta, que foi enviado pelo Senhor com uma Palavra dura, mas que gerou uma oração sentida, porém de vida. Se o rei que recebeu não soubesse como falar com Deus, ele teria seus dias  findos ali. Com sua sábia oração, argumental, porque é válido dizer que el tinha argumentos para falar com Deus. Ele lembrou ao Senhor que até ali tinha andado em fidelidade. E sabe o que  aconteceu ao rei Ezequias - era este o seu nome...Ele recebu uma nova Palavra, de vida agora, e teve sua vida acrescentada em 15 anos. (Isaias 37/ II Reis 19. 1 a 34). 


Quem já não recebeu um sorriso infantil e se sentiu transformado? Uma brisa de esperança de um serzinho sem preconceito? Assim devemos ser, geradores de vida, sem nenhum medo,preconceito ou maldade. Simplesmente transmissores de vida.

Use suas palavras para gerar vida e sua própria vida será mudada.
Abra hoje sua boca para gerar vida, mesmo sem palavra.Afinal, sorriso é nascedouro de amor.
Postar um comentário